10 de outubro de 2011

Deste anormal que vos escreve, para vocêias


Crisnaldo, num acesso de clarividência e sem demonstrar uma ponta de inveja, apelidou de anormais os gajos bêbados que durante o Chipre-Portugal começaram a gritar pelo nome de Lionel Ritchie…perdão, Messi.

Nota intermédia: este texto não pretende de nenhuma maneira comparar um jogador ao outro (a minha preferência há muito que é conhecida e nem se justifica através de números).

Nos dias que correm, se há coisa que não é normal é apresentar os números que esses dois extraterrestres apresentam, a jogar ao mais alto nível: Crisnaldo apresenta qualquer coisa como 397 jogos e 200 golos em 10 anos; o rei-pulga tem aproximadamente 288 jogos e 164 golos em 8 anos.  

Mais uma nota intermédia, porque me apetece dar justificações que não merecem: estes números são resultado de uma longa e apurada busca de 40 segundos pela wikipédia, logo não me venham chatear se algum deles fez mais 2 ou 3 jogos/golos do que aqueles que aparecem ali!

Em vez de criticarmos Crisnaldo pela sua boa educação latente, o melhor é mesmo acatarmos as suas palavras sábias como uma certeza de quem sabe o que diz, pois parece claro que é preciso um anormal para reconhecer outros anormais - mesmo que essa anormalidade seja em campos completamente distintos (e vai daí... talvez não).

Quem não for anormal que meta 3 antenas no ar e mostre as guelras!

Etiquetas: , ,

0 Comentários:

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

<< Página inicial