15 de janeiro de 2015

Coronel Dino

Cornel Dinu, antiga gloria do futebol romeno ter-se-á esquecido de tomar os medicamentos e desatou a falar... alucinações ou não? O futuro o dirá.
Diz ele que houve vários casos de suposta corrupção no clube que treinou durante alguns anos, o Dínamo de Bucareste, e num dos casos envolve o Benfica.
Um defesa seu (Valentin Nastase) terá vendido o jogo, fazendo-se expulsar com dois amarelos em 10 minutos.

Se é verdade? Não faço ideia, investigue-se se houver mesmo indícios disso e não seja apenas um ex-jogador caído no esquecimento que está a ser desmentido por toda a gente, romenos inclusivamente.

Mas compreendo que para todos os antis isto seja a pura das verdades.
É que, para eles, nenhum jogador pode ver dois amarelos contra o Benfica num espaço inferior a 25 minutos.
Veja-se o caso de Rui Duarte, no célebre Estoril - Benfica no estádio do Algarve, que viu dois amarelos no espaço de 20  minutos e cuja idoneidade e profissionalismo foram postos em causa durante anos a fio... porque deu duas sarrafadas em jogadores benfiquistas em vinte minutos.
E haverá mais casos de jogadores que se "venderam" só porque viram dois amarelos em pouco tempo, em jogos contra o Benfica. Basta perguntar aos antis, que eles puxam logo do caderninho onde apontam todas as alucinações e fantasias com a sua doença preferida: o Benfica.

Ah não é por ser contra o Benfica?
Então investigue-se o Oriol Rosell, não vá ele ter-se vendido ao Boavista... é que ele viu dois amarelos em pouco menos de 5 minutos, ainda ontem, num jogo que ganharam 1-0 no desempate por penalties (mas só deixaram marcar mesmo um e só para uma equipa).

0 Comentários:

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

Hiperligações para esta mensagem:

Criar uma hiperligação

<< Página inicial