15 de maio de 2013

O erro do Jójus

Ainda na ressaca do jogo do estádio do ladraum: continuo a achar que se tivéssemos um jogador de futebol em campo em vez daquele Ruderíco (pareceu-me mesmo ter ouvido o Jójus a dizer o nome dele assim) não teríamos sofrido um golo daquela nova versão pouco melhorada de Tiuí.

Alguém tem duvidas de que o Fnando, o Matique, o Defuro, o Rivauldo (só para dar uns exemplos), aos 91 minutos de um jogo que tinha um empate com sabor a vitoria para a sua equipa, não tinha virado aquele gajo ao contrario ainda a 5 metros da área?

Para mais logo, contra o Célso em Hamster de hã?... olha, seja o que Jójus quiser. Não tenho grandes expectativas.

Carrega... o que conseguires, Benfica. Não peço a vitória, peço entrega e que orgulhem o camisola que vestem. O que vier, virá.

2 Comentários:

Anonymous Entradávirilha disse...

Concordo plenamente. Esse Ruderico tem a agressividade de um juvenil. Parece que anda a dormir. Mesmo assim penso que o jogador que "decidiu" o campeonato (apesar de ainda não estar decidido) foi o Artur com o auto golo no Ladraum e a assistencia na Luz contra o Porto. Para hoje adorava ver-vos a limpar o sebo ao Celso.

15/5/13 12:41 da tarde  
Blogger pitons na boca disse...

Opiniões. O "auto-golo" do Artur é uma jogada de azar que ele já não conseguiu corrigir. Pior foi o golo contra o Estoril, estivesse o Lick-cá fora de jogo milimétrico ou não, a bola passa por baixo dele.

15/5/13 2:06 da tarde  

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

Hiperligações para esta mensagem:

Criar uma hiperligação

<< Página inicial