8 de junho de 2012

Yvonne, amor, és tu?


Confesso que quando li a noticia da vaca alemã que vaticinava a vitória de Portugal, não poderia estar mais longe de imaginar que se referia mesmo só a isto.

Em primeiro lugar pensei numa talega,  germânica, com 1,90 m, que numa magnifica noite de verão, me proporcionou uma noite que tinha tudo para ser bem passada mas que acabou por resultar em severas sequelas físicas. Meiga é palavra que creio não existir em alemão.
Claro que após essa noite, fiz todos os possíveis para nunca mais a encontrar e soube através de amigos em comum que fitzen puten  foi a coisa mais macia que me chamou!

Nem eu, nem o meu corpo esquecemos Yvonne! Nem o meu quiroprático que já colocou três filhos em privadas só à minha conta! Nos primeiros dias de frio mais intenso todas as minhas articulações compõe uma ode em honra desta musa! Ao ler esta notícia pensei que fosse a minha "pequena" Frankenstein dedicar-me, após quase uma década, algumas palavras elogiosas.

Depois pensei que fosse mais uma intervenção da gorda Merkel sobre o estado do nosso país e que finalmente algum meio de comunicação tinha tido a coragem de chamar os bois pelos nomes, ou neste caso a vaca pelo nome mais coisa menos coisa.

Por ultimo e após recordar que estamos num período em que os jornais desportivos têm menos substância que os meus posts lá associei esta notícia ao jogo de sábado. As minhas mais sinceras desculpas aos esforçados editores do Rascord. É que quando vejo por 3245621 vez a vossa tentativa, bem escarrapachada na capa, de dizerem que o Sporting vai vender meia equipa porque nem dinheiro têm para pagar a manutenção dos campos de golfe já começa a ser dificil associar-vos a algo, decente, imparcial, enfim um órgão noticioso como deve ser, firme e hirto! Epa espara aí...Vocês conhecem a Yvonne?

7 Comentários:

Blogger pitons na boca disse...

HAHAHA

Muito bom!Vivemos claramente em tempos de vacas parvas. Gordas ou magras não sei, mas parvas de certeza, a calcular pelos pasquins cá do burgo.


E fico contente por ver que, além de não ser o único com internacionalizações cá no tasco, além de ter também internacionalizações com material da antiga Germania, a minha experiência foi muito mais melhor boa.
E não é preciso ser garganeiro e ir logo a caminho de 1,90 metro de gajedo. Fiquei-me poucos meses por uns tenrinhos mas muito bem cuidados 1,65 metros de bom material germânico. E acrescento que por mim aquela alemã (cujo nome vou manter no anonimato que a combinação de letras Anja permite) tinha sido nacionalizada e depois privatizada em meu nome!

Se ainda estivesse por cá era coisa para lhes dizer: amanhã, até as comemos!!

PS - em relação à vaca fria (a do prognostico do post) tenho cá para mim que falta pouco tempo para terminar no açougue, seja por falhar o prognostico ou seja por vingança de acertar.

PS2 - que fixe! é a primeira vez que escrevo "açougue" numa frase em que realmente faz sentido!

8/6/12 2:58 da tarde  
Blogger Quim Berto disse...

Em relação ao açouge não tens que agradecer. Tardei a justificar a minha contratação mas valeu a pena.

Quanto às internacionalizações (dassss que palavra!) se algum dia quiseres descer este tasco para níveis que nunca mais irás recuperar, nem que tenhas aqui uma entrevista do Tomas Tranströmer, avisa. É que aqui o zezé camarinha da quinta do infantado pode contar algumas...

8/6/12 3:05 da tarde  
Blogger pitons na boca disse...

Epá! Internacionalizações é muito usado cá pelos Algarve's, precisamente com esse sentido. Ou se calhar é só pelo meu circulo de amigos... :P

Não sei quem é esse Tomas Transformer (pelo nome parece gajo para se vestir de mulher quando vai para bares estranhos de Portimão), mas não vamos descer ao nível de um MST, por enquanto.
Ainda há material suficiente para manter o nivel, baixo mas não demasiado.

Guardemos esses episódios para quando o Após-calipo (Arma Gedeão, em certa literatura) se aproximar.

8/6/12 3:11 da tarde  
Blogger Quim Berto disse...

Ohhhhhhhhhhhhhhh e eu que tinha uma boa para contar. e ainda por cima ficava mesmo a calhar para ser metida antes do jogo contra a Dinamarca... e sim utilizei a expressão ser metida de proposito :p

8/6/12 3:17 da tarde  
Blogger pitons na boca disse...

Épa, é que depois do que disseste ali em cima fiquei com medo que as agencias de rating nos baixassem a classificação para abaixo-de-abaixo-de-abaixo de lixo.

Ah que ça fonha! Publica o que bem entenderes, desde que não implique fotos de gajos nus.

8/6/12 3:19 da tarde  
Blogger Quim Berto disse...

Engraçado, acabaste o teu comentário quase igual ao que eu disse à dita cuja...

8/6/12 3:24 da tarde  
Blogger David J. Pereira disse...

Olá!

Podemos fazer uma troca de links entre blogues por favor?

O meu é: http://davidjosepereira.blogspot.pt/

Muito Obrigado!

Depois passem pelo meu a confirmar a troca, para eu também adicionar o vosso blogue aos meus links.

8/6/12 5:40 da tarde  

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

Hiperligações para esta mensagem:

Criar uma hiperligação

<< Página inicial