21 de novembro de 2011

Manter os serviços mínimos de picardia, em véspera de derby


Depois da retumbante vitória do meu Benfica contra o Filgueira-que-era-do-Belenenses-mas-agora-é-da-Foz, jogado nas piscinas que em tempos foram inauguradas por Santana Flops, num jogo em que aconteceu praticamente tudo o que eu escrevi no post anterior, o resto do fim-de-semana ficou marcado por fartar-se de acontecer Taça, destacando-se um certo declínio nas equipas ligadas aos cefalópodes.

O clube-de-dirigentes-assumidamente-corruptos foi de barco contra os estudantes, no sábado. Uma vez que eu sou daqueles que gosta de mandar a alfinetada dos portos B, C, D e pelo resto do alfabeto todo, só me resta manter a mesma bitola e carregar o alfinete embebido em bactérias bem fundo na ferida: este resultado em Coimbra só me faz pensar em “golpe de estado” em busca da “cadeira dos sonhos”, como uns iluminados a apelidaram.

Na margem direita da Segunda Circular também aconteceu Taça, com a equipa mais fraca a passar a eliminatória. E assim com algumas decisões polémicas na primeira parte e tudo que é para ver se os gajos do campo da Padreira deixam de se esticar muito. E contra esta equipa fraquinha, melhor ainda. Da próxima, apaguem a luz, para ninguém ver.


Dia 26 estamos lá. Com uma blusa da cor certa, as cuecas com o símbolo do clube para não haver enganos, ébrios da quantidade enorme de cerveja ingerida enquanto se desespera pelo início da contenda e, depois, desvirtuando tudo o que for jogada duvidosa, na tentativa de ganhar o título de equipa mais endrominada da semana… num streaming qualquer do jogo, claro, para não dar dinheiro aos chulos dos Oliveirinhas.



n.d.r. – não faço a mínima ideia se há piscinas em Filgueira da Foz, muito menos se foram inauguradas pelo Santana Flops. Como já devia ter dado para reparar, muitos dos pormenores aqui contados não são do conhecimento geral e servem, única e exclusivamente, para “embelezar” um texto já de si muto fraquinho, podendo fazer parte de uma coisa chamada realidade ou não.

Etiquetas: ,

0 Comentários:

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

<< Página inicial