30 de junho de 2008

Primeira votação cá do burgo (resultados)

A pertinente questão era a seguinte: "O Benfica devia ter-se esquecido do Mantorras em Angola?"

Obtivemos 18 votos, distribuídos da forma que se pode ver nos gráficos.

Obrigado aos que participaram nesta grandiosa votação e não deixem de participar na seguinte (já se encontra ali de lado).

Desapertar o cinto

Finalmente boas noticias.

Ao que tudo indica, a crise que tem assolado os mercados internacionais vai finalmente ver o seu ponto final ser escrito.
Isto porque PdC não vai a tribunal pelo célebre caso da fruta.



Está visto que a partir de hoje vai aumentar a procura da dita fruta sem qualquer problema com a justiça e sem qualquer possível peso na consciência.
Com o aumento da procura da fruta (aqui são livres de usar o termo que acharem mais apropriado) será de prever um aumento da oferta (mais uma vez os mercados brasileiro, de leste da Europa e Asia a fervilhar de entusiasmo) e consequente diminuição de preço.
Nos dias seguintes assistir-se-á ao mesmo processo, mas para o café com leite, que também irá causar um abaixamento do preço do dito cujo.

E com este processo irá dar-se a inversão dos mercados, com os restantes produtos (sejam eles carne de vaca, pau de Cabinda ou até mesmo derivados de látex - há quem diga que o presunto da perna extra também, mas nunca se sabe) a acompanharem esta tendência e farão com que a crise finalmente encontre o seu destino final.

Quem esperava por um campeonato do Benfica ou um titulo internacional da nossa selecção para acabar com a crise… temos pena, é mesmo o PdC (ou será a decisão do tribunal em ignorar provas “ilegais”?) a resolver a crise que assolava todo o mundo.

13 de junho de 2008

Holanda!


Simplesmente fantástico!

11 de junho de 2008

Força Portugal!


Tivémos uma lesão no último treino antes do primeiro jogo (Quim) tal como o Brasil em 2002 (Emerson).

Temos corruptos como a Itália em 2006...

Ninguém nos pára!!!

FORÇA PORTUGAL!!!

9 de junho de 2008

O Melhor do Mundo

Pelo que este diz, nem Kaká, nem Messi, nem nenhum sul americano ou africano tem hipóteses de ser considerado o melhor do Mundo.

Fosse o Cristiano francês e a conversa era outra.

Primeiro Jogo


Pois é, Portugal já jogou e pode dizer-se que me convenceram!
Belo jogo em equipa, uma defesa que é um crime (para os outros) e umas organização e paciência que não via há muito. Entrámos bem no jogo, soubemos aceitar o domínio deste e circular a bola com calma e precisão, sem precipitações no que diz respeito à transição para o ataque, com imensa segurança na defesa e no meio-campo e com um ataque organizado e com algum azar (4 bolas ao poste!). O jogo foi decorrendo, sempre controlado.
Até que chegaram os golos... E que golos! O primeiro vindo de um defesa central que provou não ter talento apenas para destruir o jogo aos outros... O segundo de uma jogada fantástica, com toques de muita classe! Um jogo quase perfeito... Não goleámos por azar!

Tenho que dar aqui a "mão à palmatória": Bem-Vindo Pepe...
Embora me custe o facto de este não ser português (original, assim como nós), devo referir que me surpreenderam a garra e a alegria com que jogou pela selecção, culminando com um golo de antologia (um defesa central!). Nas declarações agradeceu aos adeptos e por tudo o que o nosso país fez por ele e promete mais alegrias... Vamos ver... Uma coisa é certa, pelo menos as minhas simpatia e admiração ele conquistou.

Quanto aos portugueses... Foi o costume (dos últimos anos): muita festa, muita euforia, muitos festejos (até na santa terrinha as ruas entupiram de carros a apitar e pessoas a gritar...).
Foi uma noite de excessos e exageros para muitos (afinal foi só o primeiro jogo de um longo - espero - campeonato), mas até compreendo, num país em que não há grandes alegrias, o povo acaba por se unir à volta do futebol, agarrando o pouco que tem para festejar.
Mas nem só em Portugal existem portugueses, em Neuchâtel, a recepção ao autocarro da selecção foi de loucos! Emigrantes sim, mas sempre portugueses! [Mesmo que não saibam muito bem a língua... :)]
Espero que toda esta euforia seja um elemento motivador para mais jogos com esta qualidade, espero sinceramente que a atitude e personalidade demonstradas em campo contra a Turquia se repitam até à final e aí sim (talvez um bocadito antes...), também eu irei render-me ao entusiasmo e euforia nacionais!

4 de junho de 2008

Caga para eles... salva eu!

O Record de hoje diz que o Péle, jogador português do Inter, terá conquistado, com o golo apontado na final da taça italiana, o coração desta menina que está aí na imagem seguinte, oh:



Esta moçoila (convenhamos que fica a dever muito em beleza, comparando com a nossa favorita Tomoyo Yasumoto) chama-se Debora Salvalaggio, e o que isto tudo me apraz dizer é o seguinte: miúda, o Péle tem muito por onde se governar e a Lagio chalvou-che e ficou em 12º lugar do campeonato italiano, por isso... salva eu, mas é!!!

(ok, ou então o meu Benfica)